Texto muito interessante do professor Kester Carrara, excelente leitura!

Segue o link para o texto e o resumo.

Entre a utopia e o cotidiano: uma análise de estratégias viáveis nos delineamentos culturais

 Em face do processo de consolidação da área de planejamento cultural como campo de atuação do analista do comportamento, a resolução de algumas pendências teórico-epistemológicas e o desenvolvimento de estratégias de enfrentamento dos problemas de consecução efetiva de projetos passam a constituir aspectos a serem verticalmente abordados na literatura recente e diretamente superados a partir da experimentação cultural. Dois desses obstáculos – que mais constituem características próprias dos delineamentos culturais – são abordados neste artigo: 1) os critérios ético-morais a serem considerados legitimamente elegíveis quando da proposição de intervenções sociais sob a ótica da Análise do Comportamento e 2) os limites tecnológicos para tal empreendimento. Para tal análise, examinam-se as características e conseqüências prováveis dos convites de Skinner e Glenn aos analistas do comportamento para que se empenhem na análise cultural.

Anúncios